sábado, 22 de outubro de 2011



ainda me lembro das tuas feições ao luar. ainda me lembro das tuas ultimas palavras e do teu ultimo 'tchauzinho bebe'. ainda não esqueci aquele ultimo abraço para me aqueceres do frio que fazia, naquela noite. lembro-me das tuas expressões e do quanto criticaste o meu riso, entre o mar que por momentos foi nosso e a lua que nos seguia. lembro-me dos teus passos para tentar adivinhar os meus e ainda me lembro das frases que me foste dizendo. senti os teus lábios, os teus carnudos labios nos meus e de seguida na minha pele fria. realmente, aquela foi a melhor noite, a nossa. sonhei com ela a noite fora e queria ter-te dito o que senti naquele momento. sei que errei, mas tu sabes melhor do que ninguém que sempre foste um mistério para mim, um mistério que nunca quis resolver, apenas torná-lo cada dia que passa mais mágico. cada vez gosto mais de ti, acredita em mim.
esqueci-te como tu me esqueceste, pequenino.

3 comentários: