quarta-feira, 26 de outubro de 2011






o ciclo voltou. mas desta vez vai ser diferente, apesar de o dizer sempre do mesmo modo. vou ter de sofrer todas as etapas, as que já sei de cor. terei de ignorar os dias que me magoaste mais uma vez e fizeste-me acreditar em ti, esquecendo todas as vezes em que quis desistir de nós. fizeste-me chorar mais uma vez, mas desta vez agradeço-te por uma única coisa, por esta ilusão não ter demorado tanto como as outras e por me dares mais uma razão para querer seguir com o meu novo caminho, o caminho que risquei mais uma vez, por ti. este ciclo vicioso está a tornar-me fraca e uma pessoa desistente, algo que nunca fui. está-se a tornar uma rotina, a nossa rotina. tu vens e tentas saber se ainda cá estou e mesmo que não te diga, tu conheces-me, sabes como e onde tocar para saber as tuas respostas. sim eu ainda te amo e tu sabes melhor do que ninguém o porquê e como me magoar em relação a isso. tu sabes o poder que continuas a ter em mim e mesmo eu nao querendo mostrar, tu sabes que eu ainda te quero, tal como a primeira vez. porque amar, só se ama uma vez e acho que tudo o que já fiz por ti mostra exactamente isso pequenino. amo-te.

1 comentário: