sexta-feira, 25 de novembro de 2011


não me vou despedir mais, não vou chorar e dizer que irei ter saudades, porque como prometemos, tu nunca me irás abandonar , pelo menos é o que eu espero. lembro-me de todos os caminhos que jurámos caminhar juntos e acredita que ainda tenciono faze-lo, apenas agora de uma forma diferente. estás com ódio? eu compreendo. não tencionas voltar a falar comigo? sim, também te compreendo, apesar de ser dficil de viver sem ti. já passei pelo mesmo, mas a única diferença é que tu és forte, sei que irás conseguir, sei que irás olhar para trás e não ganhar rancor, sei que conseguirás ser superior a mim e superior ao erro que te fiz. sei melhor do que ninguém como te sentes neste momento e acredita que eu também sai magoada, menos do que tu, mas sai, mas sempre me disseram que as atitudes certas magoam sempre. apenas quero que saibas que vou parar de chorar, vou parar de me culpar porque eu, apesar de tudo, não tive a culpa e tudo o que senti foi transmitido para ti, de uma forma bastante clara. eu quero continuar a ser a pessoa que te anima, a pessoa que te faz bem, que te chateia com os meus problemas e que te diz vezes sem conta que és feio. sim eu quero continuar a estar presente na tua vida, levando tu o tempo que quiseres, para um dia me perdoares.

1 comentário: