sábado, 11 de fevereiro de 2012


há tantas coisas que preciso de te dizer, a mais importante é que a cada dia que passa, este tempo não elimina esta mistura de sentimentos que se torna a cada dia, mais confuso, e eu odeio isso. esta incapacidade de controlar os meus pensamentos, pensamentos estes que insistem em irem-te buscar. tu és o exemplo de pessoa que me encanta, sem tu saberes. tu passas os teus dias indiferente á minha passagem, enquanto que para mim cada segundo se tornou uma tortura. imagino todos os dias a tua voz, o teu sorriso ao rires-te das minhas caras de má, do teu abraço onde eu descarregava todas as minhas fúrias. mas o problema é que tu não estás aqui, nunca estiveste nem nunca irás estar.

Sem comentários:

Enviar um comentário