segunda-feira, 5 de março de 2012


e quem fala do tempo, do tempo que ajuda a esquecer, esquece-se que o tempo faz lembrar muitas coisas e isso apenas trás saudade. o tempo não ajuda, o tempo alimenta-nos conforme os dias e destroi-nos todas as noites com a saudade do passado. o tempo não passa de um tic-tac de um relógio que nunca teve um começo. quem criou o tempo, criou a dor, pois todo o tempo trás a dor impossibilitada de ter alguém e quem criou a dor, certamente criou a esperança de um dia ser correspondido num amor platónico, onde ele será o príncipe e eu certamente a princesa. quem criou o tempo, pensou que todo ele sarava as feridas do passado, mas quem criou o amor, esqueceu-se de criar a cura de um amor impossível .

Sem comentários:

Enviar um comentário