domingo, 1 de abril de 2012


a vida é feita de caminhos de pessoa diferentes, que são cruzados devido a ideias de opiniões iguais. a vida é um conjunto de memórias que nos dá força, em busca de algo que esteja no futuro. a vida é a presença de algo que nos fez chorar, que nos fez rir, limitando a conjugar diversas memórias de todo o tipo de acções. eu cresci devido ás memórias que carrego todos os dias, á quantidade de vezes que tentei impor a mim própria uma condição. aprendi muitas vezes com os erros dos outros, mas isso não significa que não os tenhas voltado a fazer. aprender não significa que não volte a tentar, porque eu aprendi muito, com as várias quedas que dei e apenas o chão esteve lá para me segurar, mas isso não me impediu de cometer novamente o mesmo erro. porque nós podemos cair todos os dias, mas iremos cometer sempre o mesmo erro. chego á conclusão que sempre dei demasiado de mim, deixei-me demasiado de parte pensando que, ao ignorar os meus assuntos seria uma forma de ultrapassa-los mais rapidamente, e sim, no momento esquecia-os, mas todas as noites voltava a relembrá-los, até porque podemos estar sempre acompanhados mas isso não significa que não nos sintamos sozinhos.

4 comentários:

  1. Muito muito obrigada linda. Adorei o teu comentário :) Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Mas é dificil.. quando batemos demasiadas vezes c a cabeça.

    ResponderEliminar
  3. Não faz mal querida..
    - Mas eu tenho sp esperança que ele volte..

    ResponderEliminar